O FERIADO QUE FLOPOU

sábado, 31 de março de 2018

Feriado: A ideia aqui era viajar pra esfriar a cuca, ver gente bonita e encontrar os migos. Eu estava até bem animadinho e fazendo mil planos, mas como toda vez quando deixo uma viagem pra ultima hora crente que vou conseguir no ultimo momento comprar a passagem, dessa vez não foi diferente pois acabei tomando no cy do mesmo jeito. Não tinham mais passagens disponíveis para o destino escolhido. Fiquei puto comigo mesmo, por ter essa mania filha da puta de deixar tudo pra cima da hora. Essa raiva só passou depois que eu parei pra comer em um fast food e raciocinei o seguinte: Mas e se foi um livramento que Deus me deu? Vai saber, né? Amenizando o peso na minha consciência por não ter conseguido viajar. Agora estou aqui matutando o que fazer no resto desse feriado. Talvez eu pegue um cinema ou saia pra jantar fora com alguma amiga, ou quem sabe ficar em casa mesmo maratonando algo na Netflix e organizando as matérias pendentes na faculdade!? Isso fica de lição pra na próxima vez, me organizar com antecedência.




RAINING GLITTER

sexta-feira, 30 de março de 2018

Quando você resolve desencanar de algo que está te sufocando e deixa a vida tomar o seu rumo livre e sem roteiros, o universo se encarrega de movimentar as peças e você nem percebe. Feriado tá aí e já tive uma prova de quão legal são as coisas quando a gente deixa acontecer naturalmente.

Ontem, depois da aula na faculdade, eu e meus amigos saímos para uma tomar umas cervejas e relaxar. A princípio era apenas isso. Mas no meio do caminho surgiu o convite para o aniversário de uma amiga de uma das meninas do grupo. Aquele velho esquema de aniversário de restaurante, saca? Chegou, comeu, socializou, bebeu, pagou a conta e beijinho,beijinho e tchau tchau. O que era pra ser apenas um lance rápido e social, se estendeu noite a dentro. Quando me dei conta, já estávamos dentro de uma casa noturna, onde tocava aquele sertanejo universitário e sofrência (me desculpe quem curte, mas isso é uma tortura das brabas. Como os héteros aguentam isso?) bebendo com aquelas pessoas da mesa, rindo, flertando e dançando. Abstraindo tudo que estava me fazendo mal. Eu posso dizer que lavei a alma ontem. Eu tava precisando disso!  Valeu a pena ter saído um pouco da rotina.





E hoje, saiu esse hino country da minha diva mór Kylie Minogue, e como bom fã que sou, resolvi divulgar e enaltecer a deusa do amor para os meus leitores. E coloca-la como modo de apreciação desse post. Enjoy it! ;)

QUASE LÁ E A MENSAGEM

quinta-feira, 29 de março de 2018

Meu aniversário tá quase aí, faltando menos de quinze dias para comemorar as minhas trinta primaveras. Dilema para esta data querida: Achar um local para fazer uma reunião/festa com alguns amigos. Pretensão: Ouvir música, bater papo, beber, rir e estar perto de quem se gosta. Ação até o momento:Me conhecendo bem, sei que vou deixar isso em cima da hora e vou acabar fazendo algo em casa mesmo ou vai ficar por isso mesmo. Não quero completar trinta anos e deixar essa data em branco. HELP!



                                                                                                      ***

Tô aprendendo a duras penas, que nem sempre tudo o que se quer, nós conseguimos. Não que isso fosse fácil pra mim. Mas, também nunca tive dificuldades monstruosas para conquistar meus objetivos. Porque eu sempre lutei pelo que quis, corri atrás e agarrei o que queria. Mas em se tratando de pessoas, a história muda completamente de aspecto. Isso potencializa muito mais se tratando de coisas do coração. Situando: Eu tive uma conversa franca com o meu paquera (crush, novinhos, crush) onde eu coloquei pra ele (novamente) os meus sentimentos, algo bem às claras mesmo, e expliquei que independente do que eu sinto por ele eu gostaria de ser mais próximo, ser um amigo dele e tals. Ele rebateu dizendo que tem receio de abrir mais espaço para mim e eu acabe confundir as estações. (Explicando pra quem pegou o bonde andando: Esse cara é/era meu professor na faculdade e é comprometido com outro cara) .Repliquei dizendo que não é bem assim, e que apesar de gostar dele, eu sei delimitar as coisas e que uma coisa não implica em outra.  Ele retrucou dizendo sua única preocupação é de me magoar por nada. Respondi dizendo que ele me magoaria muito mais se por ventura se afastasse de mim. Deixei a peteca nas mãos dele. Mas por mim essa conversa ainda não acabou. Após isso, mandei algumas outras mensagens falando sobre outros assuntos,mas pra um bom entendedor meia mensagem não respondida basta. Não sei se eu o afastei com a minha postura direta e reta ou se ele se fechou para refletir sobre isso. Não dá pra saber. E eu tô com essa questão na minha cabeça, fazendo as devidas mudanças e reformas internas. Enquanto isso, eu vou curtir meu feriado da melhor forma possível, e esquecer disso por ora.



ACHADOS E PERDIDOS.

domingo, 25 de março de 2018

Dias atrás, me veio em mente a forte lembrança de um amigo que conheci na época do Orkut (sdds). Naquela época eu era uma pessoa em construção, e esse amigo acompanhou de perto algumas fases turbulentas da minha vida, by the way. Eis que dias depois,  mexendo no Instagram, eu achei o perfil dele. Fiquei muito feliz em saber que ele está bem e fazendo o que mais gosta. E o melhor de tudo, a nossa amizade continua sendo a mesma.  É gratidão que se fala, né?




DESAGUAR

sexta-feira, 23 de março de 2018

Na noite passada, eu tive um acerto de contas com o crush. Expus para ele todas as coisas que estavam me incomodando na nossa ""relação"". Isso tudo impulsionado, por uma outra conversa que tive com a minha amiga querida G (Obrigado!). De uma forma particular eu coloquei os meus questionamentos e minhas angustias pra fora. Desaguei mesmo. E entre uma linha e outra durante a nossa conversa, eu pude perceber a preocupação e o cuidado que ele tinha em não me magoar sem necessidade. E deixei claro também meus sentimentos que ainda estão vivos por ele. E o respeito que tenho pela relação que ele ainda mantém com uma outra pessoa. Eu finalizei dizendo que o que tiver de acontecer, irá acontecer de forma espontânea sem maiores artifícios. E que que tiver de ser, será.

Estou em paz.

ERRATA

quarta-feira, 21 de março de 2018

Eu havia dito no post anterior que 2018 tem sido um ano mais do mesmo, pra mim. E essa afirmativa foi extremamente equivocada de minha parte. Como assim eu não considerei as coisas maravilhosas que estão acontecendo? Cuspir no prato que comeu não faz parte da minha personalidade. Isso é ingratidão. As coisas estão acontecendo aos poucos, mas estão acontecendo. Eu me sentiria imensamente ingrato ao universo se não escrevesse isso aqui. Portanto, fica aqui o meu registrar de redenção.

FLUXO

terça-feira, 20 de março de 2018

O fluxo de postagens aquino blog está fraco por motivos dê: Minha vida não é tão interessante quanto a sua, mas estamos trabalhando para melhorar isso.

Ou vocês curtem ler minhas resenhas com o crush da faculdade?

DIAS IGUAIS

Não sei vocês, mas ultimamente eu tenho percebido que 2018 não tem sido lá essas coisas todas não. Sei lá, pode parecer loucura da minha cabeça, mas eu tenho visto tantas coisas se repetirem como um dejavù constantemente.

DAS MUDANÇAS

sexta-feira, 16 de março de 2018

Eu acredito que tudo o que eu vivi nos ultimos dias/semanas, faz parte de um propósito maior do Universo para algo de bom que está por vir. Felizmente, 50% do que estava me deixando preocupado já foi solucionado. Encarar o problema de frente e dizer que "sim, eu sou capaz. eu dou conta!" faz uma grande diferença. Hoje, já posso ficar um pouco mais relaxado por que tudo está se movimentando agora e tem grandes chances de terminar bem. Gratidão!

---

Quando eu digo que tudo está em movimento, isso significa que finalmente os caminhos do coração também estão se movimentando. Isso me deixa feliz e mais leve também. Entender que tudo é um processo e pode ser algo demorado para acontecer, mas que mesmo que demore, vai acontecer já me deixa menos tenso. E enquanto isso, dá para aproveitar muitas coisas no meio do caminho. Já dá uma outra pespectiva melhor das coisas. Eu me sinto mais maduro, mais receptivo e principalmente: vivendo um dia de cada vez. Isso me enche de orgulho! Ter leveza nas relações, talvez seja o que estava me faltando. Viver um dia de cada vez, sem expectativas de algo gigantesco acontecer e aproveitar os pequenos momentos é o segredo. Eu posso dizer que este momento em que estou vivendo tem sido muito importante para o meu amadurecimento, não só no quesito sentimental, mas no que diz respeito a questões interpessoais. E sou grato pelas pessoas e situações que tem se apresentado para esse meu crescimento pessoal.

---

terça-feira, 13 de março de 2018

A cada dia que passa o bichinho da preocupação cresce mais e mais. Ele tem tomado proporções gigantescas e me assusta a cada vez que paro pra pensar que não estou dando conta de solucionar isto.Eu já não sei o que fazer, já recorri a quem poderia me ajudar, mas mesmo assim não foi o suficiente. Eu preciso de ajuda e não sei mais o que fazer pra fazer essa preocupação sumir da minha cabeça. São dias sem comer direito, noites em claro e eu não podendo conversar abertamente  sobre isso com ninguém. Eu tô desabando a olhos nus. Eu sei que isso vai passar. As cartas clow me disseram que isso vai passar. Eu só gostaria de saber: Quando? O meu tempo pra resolver isso já está se esgotando e eu levo os dias arrastado e me perguntando quando eu vou poder dormir tranquilo de que isso não irá mais me causar nenhum dano emocional. Eu não quero abrir mão de você, e não quero abrir mão das minhas conquistas. Eu tô realmente empenhado. Mas sozinho isso dói. Eu perco a concetração toda vez que paro pra pensar, já emagreci e não estou bem com isso tudo.

Eu só quero que isso acabe de uma vez.

FORÇAS AO ÍCONE

sexta-feira, 9 de março de 2018

As coisas lá pelo meio acadêmico andam me preocupando um pouco. Preciso me organizar o mais rápido possível, enquanto isso não vire uma enorme bola de neve. Esses pequenos problemas me tiram o foco de vários outros pontos importantes da minha vida. E de verdade, não tô querendo entregar os pontos a essa altura do campeonato.

Na ultima vez que em que joguei, as cartas me disseram que eu me sairia bem desta situação. E que eu teria grandes alianças que alavancariam o meu crescimento lá dentro. Eu confio e acredito nisso, e espero que não demore muito pra acontecer, por que estou sem saber o que fazer, real oficial.


CONFESSIONÁRIO #01

segunda-feira, 5 de março de 2018

às vezes, eu me pego pensando no medo que tenho em não conseguir executar o meu papel enquanto (futuro) psicólogo com a devida excelência.  de não conseguir ajudar as pessoas a resolverem seus próprios problemas e piorar ainda mais as cabecinhas já perturbadas dessas pessoas. eu nunca tive tamanha insegurança antes em relação a isso. mas agora, ela vem, e tem vindo com força total. esse medo tem sido crescente, e conforme o avanço na faculdade, ele tem me atormentado direto. eu até procuro não pensar muito nisso pra não sofrer por antecipação, mas às vezes é inevitável não cair nessa pressão psicológica.
 

NADA É POR ACASO

sexta-feira, 2 de março de 2018

Se tem uma música que poderia definir bem meu estado de espírito nesses últimos dias, sem sobra de duvidas não poderia escolher outra, senão essa.

Já faz algum tempo
Que eu fui te declarar
A minha paixão
O desejo de te conquistar

Você me evitou
E nem ao menos quis tentar
E até disse não
Com medo de se entregar

Mas um sentimento
Quando é pra valer
Cedo ou tarde faz
O que era sonho acontecer

Agora eu sei, posso sentir
Que o seu amor já faz parte de mim

Tudo o que eu falei
De alguma forma te envolveu
Te enfeitiçou
De repente, você percebeu

Que nada é por acaso
E nem precisa ter razão

Você aceitou
Dar uma chance pro meu coração

Quando a gente ama
Vale a pena arriscar
Mais de mil caminhos
Pra poder se encontrar

Agora eu sei, posso sentir
Que o seu amor já faz parte de mim

Você vai descobrir o que é
amor de verdade
Sei que os meus olhos
vão te convencer
Que eu te amo além das palavras
Ah...como eu quero você

Mas um sentimento
Quando é pra valer
Cedo ou tarde faz
O que era sonho acontecer

Agora eu sei, posso sentir
Que o seu amor já faz parte de mim.

 
LAYOUT BY: JOSÉ