follow the baile

terça-feira, 8 de maio de 2018

Eu tentei. Só eu sei o quanto que tentei de todas as formas possíveis expressar o meu sentimento por você. Mesmo as pessoas dizendo que não era bem assim, que as respostas para os questionamentos que eu tanto buscava estavam ali, bem na minha cara, eu fui e apostei mais uma vez. Eu me esforcei e fiz tudo o que era possível para você me notar. Mas mesmo assim, você refutou, você se fechou para todas as minhas investidas.

É muito duro você perceber que estava vivendo em um ciclo vicioso. Desajustado. Machuca demais ter que ficar e lidar com essa bagunça emocional, com a indiferença e com o pouco caso sentimental que restou. Em se tratando de alguém que lida com emoções e sentimentos das pessoas, eu esperava por atitudes mais empáticas. Pelo visto, me enganei. Como já dizia Björk: "Mostre-me respeito emocional. Eu tenho necessidades emocionais".




Estou acordado agora. Estou entrando no ciclo final dessa história. Agora é o momento de fazer o balanço geral de toda a minha trajetória até aqui, separar eu que vou levar de bom pra vida e jogar fora tudo o que não me cabe mais. É um momento de me voltar para dentro de mim mesmo e esperar pela próxima estação, ou até eu completar o meu processo de cura. É o momento de sarar as feridas e ressignificar algumas coisas. É um momento que eu vou cuidar de mim, me recompor. Afinal de contas, a vida é um grande baile, então follow the baile. ;)

Nenhum comentário :

Postar um comentário

 
LAYOUT BY: JOSÉ