sexta-feira, 5 de janeiro de 2018


Essa música (original: Boy George)  lindamente interpretada pela minha musa Kylie Minogue está tocando em looping no meu player direto.


Quando na minha ultima sessão com o guru me foi revelado que seria você a pessoa que o destino havia planejado colocar no meu caminho, por um instante fiquei sem palavras e completamente chocado olhando para o guru que ria como uma criança da minha cara. Então, depois de alguns minutos em choque, eu entendi o por que de logo no inicio quando eu ter te conheci, não ter ido com a sua cara. Essa antipatia sem motivo aparente, que nada mais nada menos era amor disfarçado de ranço foi posta a tona depois de algumas sessões de terapia. Relutei contra isso até onde pude.Afinal, eu tinha acabado de sair de uma situação amorosa nada favorável e que tinha tomado quase todas as minhas energias, e eu não queria nada tão cedo. A ficha foi caindo aos pouco e então fui entender que desde a primeira vez em que me consultei com o guru, você sempre era apontado em meu caminho como uma coisa boa vinda do plano espiritual,coisa que até então eu não havia entendido. E conforme me era revelado o andar da carruagem, assim as coisas aconteciam. Dessa vez tive mais prudência e maturidade para lidar com o que sentia. Quis me certificar de que tudo era real e não coisa da minha cabeça como da outra vez. Obtive êxitos que até então ninguém havia conseguido com você dentro do ambiente onde convivíamos. Consegui meu espaço e uma aproximação que não era concedida para qualquer um, segundo a minha percepção. Mesmo que timidamente eu estava feliz com essas pequenas conquistas. Mas aí tudo mudou. O nosso ciclo de encontros havia acabou com a conclusão do semestre e nós deixaríamos de nos encontrar todas às terças-feiras naquele mesmo horário. Depois das ultimas aulas e provas, eu fiz de tudo pra te encontrar de novo, só pra ficar perto de você, conversar com você, mas sem muito sucesso. Isso me fez entrar em pânico, por que eu queria te ver e não sabia como. Fiquei triste e um pouco deprimido. Até então eu não sei se iremos nos encontrar com a mesma frequência de antes. Mas isso não me abateu por completo, afinal, ainda tínhamos a redes sociais a nossa disposição. As conversas continuavam por lá, tímidas e com respostas rápidas e objetivas. Eu me aprofundei e fui te conhecendo um pouco mais, fui descobrindo seus gostos e manias e criando um vínculo. E quando me senti seguro de me abrir tive coragem e derramei pelos meus dedos todo o sentimento que eu estava nutrindo por você através de uma mensagem cheia de sentimento e sinceridade. Foi um alívio poder me abrir de uma forma tão plena e sem medo de uma auto punição interna por ter feito isso. Foi aí que por fim, você colocou as cartas na mesa e da forma mais gentil me disse que não poderia corresponder na mesma instância pois já estava comprometido com um alguém (homem), mas que admirava a minha força e coragem por lutar pela minha felicidade. E mesmo recebendo o não como resposta eu me senti em paz e tranquilo. E mesmo assim, mesmo diante a esta resposta negativa, eu sigo acreditando piamente no que as cartas disseram para mim desde o princípio.  E sei que se não agora, um dia, você irá reconsiderar tudo o que eu te disse naquele vinte e oito de dezembro de dois mil e dezessete. Posso estar sendo um tolo por acreditar nisso,  mas tem coisas que só o tempo dirá se são certas ou erradas!  Por ora, eu estou deixando as coisas apenas acontecerem por si só e seguirem seu fluxo. Sei que em algum momento iremos nos encontrar pelos corredores da faculdade e só Deus sabe o que pode acontecer quando isso rolar.

***

And if he knows, maybe he'll explain
Why there are heartaches, why there are tears
And what to do to stop feeling blue
When love disappears.


2 comentários :

  1. nossa, me vi nesse post! troque 28/12 por 27/12, corredores da faculdade por corredores do fórum... apenas não sei dos efeitos que minha declaração causou nele.

    espero que dê tudo certo pra você!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu gostaria de ver os efeitos pessoalmente,sabe G. Mas eu ainda não estava pronto. Eu também espero que dê! Mesmo sabendo que ele tem alguém, eu ainda espero que tudo se encaminhe da melhor forma. Não quero e nem penso em fazer a linha "bicha má" e detonar o relacionamento (que segundo ele) é tão legal para ambos os lados em prol de Ego. Penso que o que tiver de seu meu,será. Mesmo que isso demore um tempo (ou não). O tempo é o senhor de tudo. Vamos aguardar!

      Excluir

 
LAYOUT BY: JOSÉ